Olhar antes para não se arrepender depois

Com o ‘boom’ do mercado imobiliário, muita gente aproveitou as facilidades e os preços em queda, por causa da lei da oferta e da procura, para mudar de residência. Depois de tanto esperar, chegou a hora de pegar as chaves e assinar a vistoria de entrega. E quem for afoito e não prestar atenção poderá levar um problema pra vida toda.

A expectativa de enfim poder se mudar, faz com que muitos assinem a vistoria sem ter olhado com atenção todos os detalhes do apartamento ou da casa. E depois de assinado, fica mais difícil de reclamar de qualquer problema na estrutura do imóvel.

Um exemplo: muitas famílias se sentem atraídas por benefícios como churrasqueira nos apartamentos. O problema é que, se não testar antes de assinar a vistoria, você pode ficar com um equipamento que não funciona. E depois que assinou e recebeu as chaves, mesmo reclamando, fica mais complicado de resolver.

Imagem

O problema pode até ser sanado, mas não há tanta pressão quanto se você não tivesse assinado. Uma alternativa para não correr esse risco é levar um arquiteto ou um engenheiro na hora da vistoria.

Esses profissionais são gabaritados para descobrir se todos os detalhes acordados no contrato estão funcionando como deveriam. Além disso, inspecionam para ver se tem problema com obstrução dos ralos, fissuras, infiltrações, problemas de energia, etc.

Caso o imóvel apresente muitos problemas e o morador perceba que a construtora não está muito disposta a fazer os reparos, o dono pode se recusar a receber o imóvel. É mais fácil agir dessa maneira do que entrar depois na justiça.

Mas a não assinatura da vistoria não significa que no dia seguinte o problema desaparecerá. Existe o caso de um grupo de condôminos que reclamou que a piscina estava com defeitos e um ano depois, eles ainda esperam que a construtora repare o local. E essa demora pode comprometer outras partes do condomínio.

Quando o problema se arrasta e começa a aumentar, o jeito mesmo é entrar na justiça. Dependendo da gravidade do caso, as decisões saem rapidamente e em até 48 horas o juiz pode determinar que a construtora realize o conserto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s